CHAMADA PARA PUBLICAÇÃO CARACOL N°21

2019-10-02

REVISTA CARACOL (ISSN 2178-1702)

Mapas da poesia hispânica dos últimos 30 anos (1990 –2020)

 

A poesia continua sendo hoje em dia um discurso muito presente no mundo hispânico, tanto na Espanha como na América Latina. Nos últimos 30 anos, que coincide com o fim do pós-modernismo e o começo do novo século, talvez tenha se aprofundado aquela fragmentação individual na qual os poetas refletem suas buscas de linguagens e formas, também inspiradas na relação com outras artes e com os meios de comunicação e as mídias sociais. Este número da Revista Caracol tenta –certamente não de maneira exaustiva– rastrear possíveis caminhos críticos nos mapas que os vários discursos poéticos vão se desenhando no vasto espaço geográfico-cultural que corresponde ao mundo hispânico. Com essa perspectiva, sugere-se contemplar a expressão poética a partir de quatro perspectivas distintas:

 

  • como texto (poesia “tradicional”)
  • como objeto (poesia concreta, visual, etc.)
  • como performance/ação (música, teatro, cabaré literário, etc.)
  • como encontro (arte, culturas e distintas línguas, fronteira, etc.).

 

Do ponto de vista da temática, este número está aberto ao estudo de poetas ou obras, de grupos ou de experiências coletivas que se insiram no horizonte da virada de século. Uma sugestão de catálogo de temáticas a serem abordadas incluiria:

 

  • a reflexão sobre a linguagem poética e os distintos suportes
  • hibridização da linguagem poética com outros meios
  • o reflexo da virada de século na poesia
  • a poesia e os anos 2000
  • poesia e arte
  • o poema objeto
  • mestiçagem e linguagens indígenas
  • hibridização com outros meios

 

Será objeto de análise qualquer forma de produção poética em língua espanhola, tanto da Espanha como da América. Igualmente, são especialmente bem-vindos os trabalhos sobre a poesia em contextos em que o espanhol convive com outras línguas: as nações históricas da Espanha (Catalunha, País Basco, Galícia), as comunidades indígenas latino-americanas e outros territórios como o Saara Ocidental, Guiné Equatorial ou Filipinas. Também se levará em conta trabalhos que insiram o Brasil nesse contexto e que trabalhem a poesia a partir da tradução ou de estudos comparados.

 

Organização: Margareth dos Santos (USP) e Alessandro Mistrorigo Universidade de Ca’ Foscari- Veneza).

 

Os trabalhos serão aceitos até o dia 4 de maio 2020. Para maiores informações sobre as normas de publicação e sobre o envio de contribuições:

http://www.revistas.usp.br/caracol/about/submissions#onlineSubmissions

 

AVISO: é necessário indicar, no documento, qual é o número da revista a que seu trabalho esta sendo submetido.

 

CARACOL (http://www.revistas.usp.br/caracol/) é uma publicação on-line semestral da Área de Língua Espanhola e Literaturas Espanhola e Hispano-americana do Departamento de Letras Modernas da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Tem como objetivo publicar colaborações inéditas em espanhol ou em português, resenhas e eventualmente textos raros de interesse para o debate acadêmico dentro das quatro disciplinas da Área: Literatura Espanhola, Literatura Hispano-americana, Língua Espanhola e Tradução.