A aposta universitária espanhola nas novas figuras profissionais em rede

  • Hada Sánchez Gonzales Universidade de Sevilha
  • Sandra Méndez Muros Universidade de Sevilha
Palavras-chave: Web social, universidade, perfil profissional, Jornalismo, emprego

Resumo

Desde 2009 foram implantados paulatinamente, em todas as universidades espanholas, os cursos de graduação em Jornalismo conforme as diretrizes do Espaço Europeu de Educação Superior (EEES).
Professores e pesquisadores viram nesse processo a oportunidade de reformar a oferta acadêmica para adequá-la aos perfis profissionais atuais que o mercado de trabalho exige (community manager, content
curator, social media manager, administrador de redes sociais etc.), surgidos do contexto
da Web. Nosso objetivo é conhecer em que medida há uma formação especializada e adaptada às novas exigências profissionais nas universidades espanholas, tanto públicas quanto particulares. Os resultados nos demonstram que, em linhas gerais, os programas de cursos das graduações em Jornalismo não oferecem conteúdos dirigidos a esses novos perfis de jornalista.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2013-12-30
Como Citar
Gonzales, H., & Muros, S. (2013). A aposta universitária espanhola nas novas figuras profissionais em rede. Comunicação & Educação, 18(2), 51-62. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9125.v18i2p51-62