Uma lembrança de Nahur: um exemplo de "emaranhamento" no reconstrução do passado Mesopotâmico

  • María Dolores Casero Chamorro Universidad Complutense de Madrid
Palavras-chave: Teoria do emaranhamento, memória cultural, Adad-ninari I, Tukulti-Ninurta I, coluna de cedro

Resumo

A.0.76.25 não é uma inscrição de butim comum. O original ainda não foi encontrado, mas sua recordação foi integrada em um texto mais amplo, VAT 16381, gravado em uma tabueta de argila, onde é citado entre as linhas 21 e 24. As circustâncias e o contexto nos quais esta inscrição foi trasmitida apresentam algumas peculiaridades, que a faz um excelente exemplo de análise de uma perspectiva teórica de agência. O estudo buscará no modelo de "emaranhamento" proposto por Hodder (2012) em relação às interações e relações de dependência entre as esferas humana e dos objetos. Ele irá prover uma melhor compreensão dos objetos tomados como butim e seu papel na construção da identidade Assíria, por meio de sua vida e as camadas de significado que continham acerca de Adad-nirari I e Tukulti-Ninurta I, os reis Assírios que as possuía, as usava e as contemplava.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2017-03-27
Como Citar
Casero Chamorro, M. D. (2017). Uma lembrança de Nahur: um exemplo de "emaranhamento" no reconstrução do passado Mesopotâmico. Mare Nostrum (São Paulo), 7(7), 20-34. https://doi.org/10.11606/issn.2177-4218.v7i7p20-34
Seção
Artigos