Avaliação do tratamento antirretroviral de pessoas convivendo com HIV/aids que participam de um grupo de adesão

Palavras-chave: Imunodeficiência, AIDS, Fármacos Anti-HIV, Farmacoepidemiologia

Resumo

Modelo de estudo: Trata-se de um estudo do tipo observacional, descritivo e transversal. Objetivo: Avaliar o comportamento de adesão ao tratamento antirretroviral de pessoas convivendo com HIV/aids que participam de um Grupo de Adesão. Métodos: O questionário foi respondido por 15 pacientes maiores de 18 anos, independente do sexo, com diagnóstico confirmado de AIDS que participam de um Grupo de Adesão em um serviço de dispensação de antirretrovirais, e que após receberem informações pertinentes ao estudo, aceitaram participar voluntariamente, por meio da assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Resultado: A maioria dos participantes era do sexo masculino, acima de 40 anos (73,3%) e 26,6% eram economicamente ativos. Quanto à sexualidade, 80% dos entrevistados declararam ser heterossexual. Quanto à escolaridade, 60% não havia completado o ensino médio. O tempo de diagnóstico da doença predominante foi entre 10 e 16 anos, sendo que 46,6% referiram possuir outros problemas de saúde, como toxoplasmose, herpes, tuberculose e leishmaniose. A análise do questionário de adesão mostrou que 33,3% possuía uma boa adesão ao tratamento antirretroviral. Entre as interações droga-droga identificadas, 44,4% ocorreram entre os antirretrovirais. Conclusão: A partir da realização deste estudo foi possível concluir que 66,66% dos entrevistados relataram que em algum momento houve uma descontinuidade do tratamento, revelando uma dificuldade na manutenção do uso dos antirretrovirais em indivíduos convivendo com HIV/AIDS. No contexto da farmacoepidemiologia antirretroviral, as potenciais interações medicamentosas identificadas neste estudo foram eventos que afetam a resposta terapêutica levando a toxicidade. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Hilana Francisca Nascimento Silva, Universidade Federal do Piauí (UFPI), Teresina (PI), Brasil

Especialização em Gestão Hospitalar e Qualidade em Serviços de Saúde.

Carla Solange de Melo Escórcio Dourado, Universidade Federal do Piauí (UFPI), Teresina (PI), Brasil

Doutora em Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia.

Hengrid Graciely Nascimento Silva, Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Teresina (PI), Brasil

Mestrado em Ciências e Saúde.

Hisamara Fernanda Nascimento Silva, Faculdade Facid DeVry, Teresina (PI), Brasil

Graduação em odontologia.

Publicado
2019-11-07
Como Citar
1.
Silva HFN, Dourado CS de ME, Silva HGN, Silva HFN. Avaliação do tratamento antirretroviral de pessoas convivendo com HIV/aids que participam de um grupo de adesão. Medicina (Ribeirao Preto Online) [Internet]. 7nov.2019 [citado 20nov.2019];52(3):161-70. Available from: http://www.periodicos.usp.br/rmrp/article/view/160795
Seção
Artigo Original
Bookmark and Share