Promoção de intervenções não-farmacológicas para tratar hipertensão arterial

  • Eileen M. Stuart Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Medical School;Boston College, Escola de Enfermagem
  • Richard Friedman Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina; Departamento de Psiquiatria e Ciências Comportamentais da Universidade Estadual de Nova York em Stony Brook
  • Herbert Benson Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina
Palavras-chave: Hipertensão. Tratamento Não Farmacológico. Terapia Combinada.

Resumo

Na primeira parte desta revisão, discutem-se a definição, prevalência, evolução histórica e os princípios gerais do tratamento não-farmacológico da hipertensão arterial. Em seguida, apresenta-se a base principal e as estratégias comportamentais para redução da obesidade, da ingestão de sal e de bebidas alcoólicas, do sedentarismo, do estresse emocional, e do uso do fumo. Na parte final, discute-se o papel de outros fatores dietéticos, (das terapias combinadas e, particularmente, como elas podem ser integradas em uma abordagem multidisciplinar do paciente hipertenso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eileen M. Stuart, Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Medical School;Boston College, Escola de Enfermagem
Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Medical School;Boston College, Escola de Enfermagem
Richard Friedman, Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina; Departamento de Psiquiatria e Ciências Comportamentais da Universidade Estadual de Nova York em Stony Brook
Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina; Departamento de Psiquiatria e Ciências Comportamentais da Universidade Estadual de Nova York
Herbert Benson, Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina
Divisão de Medicina Comportamental do Departamento de Medicina, Mind / Body Medical Institute, New England Deaconess Hospital, Harvard Faculdade de Medicina
Publicado
1998-03-30
Como Citar
1.
Stuart E, Friedman R, Benson H. Promoção de intervenções não-farmacológicas para tratar hipertensão arterial. Medicina (Ribeirao Preto Online) [Internet]. 30mar.1998 [citado 12ago.2020];31(1):106-43. Available from: http://www.periodicos.usp.br/rmrp/article/view/7640
Seção
Artigo Especial: Terapêutica Comportamental
Bookmark and Share