Explicitação e Omissão de categorias culturais em Flores raras e banalíssimas e Rare and Commonplace Flowers: um estudo baseado em corpus de pequena dimensão

Autores

  • Alinne Balduino Pires Fernandes Univesidade Federal de Santa Catarina
  • Maria Lúcia Barbosa de Vasconcellos Universidade Federal de Santa Catarina.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2008.46385

Palavras-chave:

Abordagens discursivas aos Estudos da Tradução, estudos baseados em corpus, categorias culturais, explicitação, omissão.

Resumo

No contexto das relações tradutórias entre o Brasil e os Estados Unidos, investigam-se os fenômenos de explicitação e omissão de categorias culturais em um corpus paralelo bilíngüe de pequena dimensão, constituído de Flores raras e banalíssimas (texto de partida – TP) (Oliveira, 1995) e Rare and commonplace flowers (texto de chegada – TC) (tradução de Besner, 2002). Este estudo descreve as ocorrências de tais fenômenos no corpus examinado, visando responder às seguintes perguntas de pesquisa: (i) qual a freqüência de explicitação e/ou omissão de itens culturais em Rare and Commonplace Flowers? (ii) que categorias culturais mais sofrem explicitações ou omissões? Como ferramenta para auxílio de buscas e contagem de itens, utiliza-se o software Wordsmith (Scott, 1998). Os resultados apontam para a tendência de preservar categorias culturais no TC, muitas vezes com o recurso da explicitação, em função de motivações contextuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-04-18

Como Citar

Fernandes, A. B. P., & Vasconcellos, M. L. B. de. (2008). Explicitação e Omissão de categorias culturais em Flores raras e banalíssimas e Rare and Commonplace Flowers: um estudo baseado em corpus de pequena dimensão. Tradterm, 14, 73-101. https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2008.46385

Edição

Seção

Artigos