Apontamentos de um tradutor de Tolstoi

Autores

  • Noé Silva Universidade de São Paulo – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2008.46391

Palavras-chave:

Tolstói, tradução, particípio, gerúndio, orações impessoais.

Resumo

No artigo, o autor discute alguns problemas específicos da tradução do russo para o português, entre os quais o da repetição constante de palavras no texto original, bem como o emprego mais generalizado das formas modais do verbo e de orações impessoais. Apesar da ênfase no conteúdo, o autor discute as várias possibilidades de transmissão do sentido do original, com exemplos do romance “Ressurreição” de Tolstói.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Noé Silva, Universidade de São Paulo – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas.

Professor Doutor do Departamento de Letras Orientais da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.

Downloads

Publicado

2008-04-18

Como Citar

Silva, N. (2008). Apontamentos de um tradutor de Tolstoi. Tradterm, 14, 123-143. https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2008.46391

Edição

Seção

Artigos