Unidades fraseológicas especializadas: estado da questão em relação a sua definição, denominação e critérios de seleção

Autores

  • Cleci Regina Bevilacqua Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2005.49689

Palavras-chave:

Unidades fraseológicas especializadas, fraseologia especializada, Terminologia.

Resumo

Sabe-se que a Fraseologia Especializada e seu objeto de estudo, as Unidades Fraseológicas Especializadas, vêm merecendo maior atenção a partir dos anos 90. Desde então, observa-se um crescimento considerável de congressos e publicações dedicados ao tema. Conseqüentemente, constata-se também uma grande diversidade a respeito de sua denominação, definição e critérios para seu reconhecimento. Tal diversidade justifica-se, pelo menos em parte, em função das diferentes perspectivas a partir das quais essas Unidades são tratadas. Basicamente é possível identificar duas grandes perspectivas: uma de caráter mais lexicológico e outra de caráter mais terminológico. A partir destas constatações, neste trabalho pretendemos expor, em primeiro lugar, um panorama ou estado da questão que reflita a diversidade denominativa e conceitual das Unidades. Em segundo lugar, apresentaremos os critérios aplicados para seu reconhecimento e, finalmente, avaliaremos esses critérios, levando em conta a perspectiva da Terminologia, âmbito no qual inserimos o estudo da Fraseologia Especializada. Pretendemos, assim, expor um panorama amplo sobre algumas das questões fundamentais referentes às Unidades Fraseológicas Especializadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cleci Regina Bevilacqua, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Instituto de Letras da UFRGS, pesquisadora do Projeto Termisul.

Downloads

Publicado

2005-04-18

Como Citar

Bevilacqua, C. R. (2005). Unidades fraseológicas especializadas: estado da questão em relação a sua definição, denominação e critérios de seleção. Tradterm, 11, 237-253. https://doi.org/10.11606/issn.2317-9511.tradterm.2005.49689

Edição

Seção

Terminologia